Antigo jogo de tabuleiro romano é encontrado em túmulo na Noruega


Crédito: Universidade de Bergen

Um jogo de tabuleiro de 1.700 anos e um raro dado alongado, datado da Idade do Ferro romana, foram descobertos na Noruega. Encontrados perto de uma rota marítima importante, o jogo provavelmente era utilizado para criar laços entre comerciantes que vivam longe uns dos outros.

Um total de 18 peças distintas, semelhantes às fichas utilizadas no jogo de damas, foram encontradas em um poço circular no local de Ytre Fosse, no oeste da Noruega, de acordo com um comunicado de imprensa divulgado pela Universidade de Bergen.

A fossa estava preenchida de um carvão preto e gorduroso, dentro do qual os arqueólogos encontraram uma série de peças carbonizadas, incluindo pedaços de osso, potes de cerâmica, uma agulha de bronze e alguns vidros queimados. Em conjunto, são evidências de um poço de cremação, no qual um indivíduo de alto escalão foi cremado em uma fogueira, cercado por seus bens.

Os itens, incluindo as peças do jogo e os dados, datam de cerca de 300 d.C. e da Idade do Ferro romana. Morten Ramstad, do Museu Universitário de Bergen, disse que sua equipe foi capaz de recuperar a maior parte do conjunto, como relatado pela NRK.

O local da descoberta. Imagem: Universidade de Bergen


“As descobertas de peças de jogo do final da Idade do Ferro são muito raras tanto na Noruega como no resto da Escandinávia”, de acordo com o comunicado de imprensa. “As peças e os dados pertencem a um jogo de tabuleiro inspirado no jogo romano Ludus latrunculorum, e o dono era provavelmente uma pessoa de alto nível que pertencia a [uma tribo regional de elite].”

Ludus latrunculorum, como outros jogos romanos antigos, era semelhante ao xadrez e ao gamão. Este jogo se tornou popular entre os povos germânicos, se espalhando mais para o norte da Escandinávia, segundo a NRK. Os dados são marcados com círculos de pontos representando valores de zero, três, quatro, e cinco.

A fossa Ytre está em uma importante localização geográfica perto do estreito de Alverstraumen. Durante a Idade do Ferro, essa foi uma importante rota marítima ligando o norte da Noruega ao sul da Escandinávia e à Europa continental. Como fato curioso, a rota marítima foi chamada Nordvegen, que significa “caminho do norte”, e desde então tornou-se o nome oficial da nação: Noruega.


Saiba mais em Gizmodo