URGENTE: Incêndio no Palácio Imperial reconstruído em Berlim

Impressão de um artista do edifício acabado (Por eldaco - Trabalho próprio, CC BY-SA 3.0, Wiki Commons)
Na quarta-feira, o Corpo de Bombeiros de Berlim informou um incêndio em um novo prédio ligado ao castelo da cidade de Berlim. O prédio fica na Praça do Palácio, no centro de Berlim, ao largo de Alexanderplatz. É uma cópia reconstruída do antigo palácio real e imperial do Reino da Prússia e do Império Alemão.
Os bombeiros informaram que uma pessoa ficou ferida e que pelo menos 80 bombeiros estavam trabalhando para apagar o fogo. Um porta-voz do corpo de bombeiros da cidade disse ao jornal Bild que o fogo deve ter começado após uma explosão que ocorreu fora do castelo.


A mídia alemã informou, pouco antes da hora do almoço, que o fogo estava sob controle. Uma foto postada pelos bombeiros no Twitter mostrou fumaça preta subindo em frente à entrada do novo palácio de uma área de construção isolada da estrada principal.
O Palácio de Berlim era um edifício no centro de Berlim, localizado na Ilha do Museu em Schlossplatz. Do século XV ao início do século XX, o Berliner Schloss foi um palácio real e imperial e serviu principalmente como a residência principal dos eleitores de Brandemburgo, os reis da Prússia e os imperadores alemães. 




Durante a Segunda Guerra Mundial, o castelo foi duas vezes atingido por bombas aliadas em 3 de fevereiro e 24 de fevereiro de 1945. Na última ocasião, quando os sistemas de defesa aérea e combate a incêndios de Berlim foram destruídos, o edifício foi atingido por incendiários, perdeu seu telhado e foi em grande parte queimado. Foi demolida pelo governo da Alemanha Oriental na década de 1950. O palácio está sendo reconstruído, com conclusão prevista para 2020.
A construção do palácio começou em 2012. O prédio, que abrigará um museu e um centro cultural, deve ser inaugurado ainda este ano. Os custos para o edifício subiram para 644 milhões de euros de um inicialmente planejado 552 milhões, com os fundos estaduais federais atendendo a maior parte do projeto de lei.